Marque já a sua consulta (21) 99056-8583 Marque sua consulta

Vacinação contra a Covid-19: mitos e verdades


Segurança Alimentar
Especialista esclarece principais dúvidas sobre vacina contra Covid-19
Em grande parte do país, a vacinação contra a Covid-19 já está em andamento. O ato de se vacinar é um pacto coletivo capaz de erradicar doenças e garantir a saúde de todos. No entanto, muitas dúvidas e informações falsas ainda circulam sobre as vacinas disponíveis atualmente. Por isso, a dra. Danielle Gregory, clínica geral da Medcenter, esclarece quais são os principais mitos e as verdades sobre o tema.

A vacina contra a Covid-19 é mesmo capaz de me proteger contra a doença?

Dra. Danielle Gregory: Verdade. A vacina estimula o sistema imunológico a reconhecer e combater o vírus Sars-CoV-2, que causa a Covid-19, o que confere a proteção contra a doença.

Defender-se da patologia é importante porque, embora muitas pessoas com Covid-19 tenham sua forma leve, outros indivíduos podem evoluir para a forma grave da enfermidade. Não há como saber como a Covid-19 o afetará, mesmo que você não tenha um risco aumentado para desenvolver complicações graves.

Uma vacina contra a Covid-19 pode me infectar?

Dra. Danielle Gregory: Mito. Nenhuma das vacinas em circulação contra a Covid-19 pode causar infecção.

O que pode ocorrer, às vezes, é uma reação do organismo ao tomar a vacina, ou seja, podem surgir sintomas como febre, mas é parte do processo de construção da imunidade contra o novo coronavírus.

O que pode acontecer é uma pessoa ser infectada antes ou logo depois da vacinação e ainda assim adoecer, pois não houve tempo suficiente para estabelecer a imunidade.

Depois de receber a vacina contra a Covid-19, posso ter resultado positivo para a infecção em um teste viral?

Dra. Danielle Gregory: Mito. Se seu corpo desenvolver uma resposta imunológica – objetivo da vacinação –, existe a possibilidade de testar positivo em sorologia para a verificação de anticorpos (IgG), que indicam que o contato com o vírus aconteceu anteriormente e o corpo criou algum nível de proteção.

Se já tive Covid-19 e me recuperei, ainda assim preciso tomar a vacina?

Dra. Danielle Gregory: Verdade. Por causa dos graves riscos à saúde associados à Covid-19 e ao fato de que a reinfecção é possível, a vacina deve ser tomada, independentemente do histórico com a doença. Além disso, ainda não temos certeza de quanto tempo dura a imunidade produzida pelas vacinas criadas até o momento contra a Covid-19.

Uma vacina contra a Covid-19 pode alterar meu DNA?

Dra. Danielle Gregory: Mito. As vacinas de mRNA contra a Covid-19 não alteram o DNA ou interagem com ele de nenhuma forma – elas estimulam as células saudáveis a produzirem proteínas que geram uma resposta imunológica potente. O mRNA de uma vacina nunca entra no núcleo da célula, que é onde nosso DNA é guardado.

É seguro tomar vacina contra a Covid-19 se eu quiser engravidar?

Dra. Danielle Gregory: Verdade. Mulheres que desejam engravidar no futuro podem ser vacinadas. Atualmente, não há evidências de que os anticorpos formados com a vacinação contra a Covid-19 causem problemas na gravidez, incluindo o desenvolvimento da placenta. Além disso, não há indícios que sugerem que os problemas de fertilidade sejam um efeito colateral de qualquer outra vacina. As mulheres que estão tentando engravidar agora ou que planejam tentar no futuro podem se vacinar de acordo com o calendário de sua cidade.

CNPJ: 28.782.745/0001-79 :: Medcenter LTDA
Copyright © 2018-2019 Todos os Direitos Reservados
Desenvolvimento: