Marque já a sua consulta (21) 99056-8583 Marque sua consulta

Sobreviventes da Covid-19 apresentam sequelas a longo prazo


Médico examinando uma paciente
Síndrome pós-Covid-19 pode comprometer a qualidade de vida de pacientes
Há mais de um ano vivendo os efeitos que a pandemia de Covid-19 nos trouxe, hoje, além das preocupações com o avanço do vírus, é necessário se atentar também para as consequências que a doença pode causar. Nesse caso, estamos falando da síndrome pós-Covid-9, em que os pacientes curados precisam conviver com sintomas e problemas crônicos que podem durar alguns meses.
Segundo a dra. Celma Marcelino, neuropsicóloga da Medcenter, “muita gente que teve Covid-19 tem reclamado de problemas como confusão mental, esquecimento, falta de foco ou de clareza de pensamento, algo chamado de brain fog. A variedade de incômodos e limitações provocados pela infecção vai muito além e pode ser bem mais grave. São inúmeros os sintomas no pós-Covid-19 – estudos já levantaram cerca de 50 sinais considerados sequelas da Covid-19 que ocorreram em pacientes, que podem atingir diversas áreas do corpo, do cérebro até a pele”.
“Sonolência excessiva; desatenção; esquecimento de situações ou palavras; dificuldade de raciocínio e de se expressar por meio da linguagem; ansiedade; depressão e dor de cabeça são alguns sinais relacionados com a cognição que caracterizam a síndrome pós-Covid-19. Tais queixas têm chegado aos consultórios e exigem a avaliação neuropsicológica para maior investigação”, reitera a dra. Celma.
Os sintomas citados acima podem comprometer a qualidade de vida de uma pessoa, por isso a preocupação com os efeitos que afetam a capacidade cognitiva – oriundos da queda de oxigenação no sangue, consequência da Covid-19 – é cada vez mais necessária, pois impactam diretamente o bem-estar do indivíduo, razão pela qual é fundamental prestar mais atenção a esse tipo de dano.
Além do acompanhamento médico e de tratamentos adequados para cada paciente, existem ainda outras formas de ajudar quem venceu a Covid-19, como descreve a dra. Celma: “Praticar a leitura e a escrita, utilizar jogos de raciocínio e fazer atividades de estimulação cognitiva contribuem para a recuperação das vítimas do novo coronavírus que estão com comprometimento mental.”
Portanto, a Covid-19 é uma doença que necessita de acompanhamento durante a infecção e depois dela, e a reabilitação com uma equipe multidisciplinar é o melhor cenário para o paciente que quer retomar sua rotina de forma mais rápida.

CNPJ: 28.782.745/0001-79 :: Medcenter LTDA
Copyright © 2018-2019 Todos os Direitos Reservados
Desenvolvimento: